Como você pode reconhecer e superar as barreiras do outsourcing de TI?

A adoção do outsourcing de TI já faz parte das estratégias de várias empresas. Em busca de mais agilidade na prestação de serviços, profissionais com conhecimentos atualizados e uma flexibilidade contínua para o setor, gestores escolhem terceirizar parte das atividades da sua área. Assim, é possível eliminar gargalos operacionais e ter maior capacidade de manter-se eficaz, mesmo em momentos de alta demanda.

Apesar das suas vantagens, a adoção dessa solução não é livre de desafios. Se você quer saber quais são e como superar os principais desafios do outsourcing de TI, veja o nosso post de hoje!

1. Falta de controle de custos

Muitas empresas escolhem o outsourcing de TI como uma forma de reduzir custos. Pagando um valor mensal, que varia conforme o número de profissionais contratados, a companhia deixa de gastar com a manutenção de times subutilizados. Com isso, é possível eliminar desperdícios e criar mais recursos para a realização de investimentos.

Porém, sem um bom planejamento, o serviço contratado pode acabar tornando-se uma fonte de gastos elevados para o negócio. A empresa deixará de economizar com o novo serviço para ter uma solução que gera um grande peso no orçamento mensal.

Para evitar esse tipo de problema, faça um bom planejamento de como o outsourcing de TI será adotado internamente. Trabalhe lado a lado com times para definir as necessidades da empresa e de que forma os profissionais terceirizados atuarão para o benefício do empreendimento. Assim, gestores conseguirão prever melhor os gastos com a solução e ter um maior controle sobre os gastos relacionados a ela.

2. Não alinhamento do perfil do prestador de serviços com o perfil da empresa

Para ser realmente funcional, o serviço terceirizado contratado deve possuir um perfil próximo ao do negócio. Apesar desse ser um dos grandes desafios do outsourcing de TI, a escolha de uma empresa com bom expertise nas áreas mais importantes da sua empresa é um fator estratégico, que aumenta o retorno obtido com o investimento e evita uma série de problemas a médio e longo prazo.

Ao pesquisar por uma empresa para prestar serviços de outsourcing de TI, verifique quais são os seus pontos de destaque. Analisando as necessidades e metas do setor de TI, você poderá conhecer quais são os pontos-chave para que o time terceirizado consiga fazer um trabalho de alto impacto. Como consequência, será fácil escolher um prestador de serviços capaz de atuar lado a lado com o seu empreendimento para fazer escolhas eficazes e que criam um ambiente competitivo e inteligente.

3. Parceiros pouco compromissados

Um parceiro pouco compromissado com a prestação de serviços pode ser um grande desafio do outsourcing de TI. Quando isso ocorre, a qualidade das atividades executadas cai drasticamente. A empresa terá dificuldades de atingir as suas metas, além de ter que lidar com uma solução que não atende totalmente as suas necessidades.

Ao contratar um serviço de outsourcing de TI, crie um SLA bem definido, claro e objetivo. Acrônimo para Service Level Agreement (em português, Acordo de Nível de Serviço), o SLA é um documento que registra todas as obrigações do prestador de serviços, as suas metas e normas de trabalho. Assim, a empresa tem uma garantia maior de como as atividades serão prestadas.

O SLA dá mais proteção tanto para o prestador de serviços quanto para os negócios. Ambas as partes terão um conjunto de metas e obrigações claras.

Isso permite que times se planejem melhor ao prestar serviços, uma vez que o seu escopo de atuação está com limites bem definidos. Como consequência, conflitos e problemas de performance serão menos frequentes.

4. Má distribuição dos recursos

A má distribuição dos recursos contratados pode eliminar boa parte dos benefícios relacionados ao outsourcing de TI. Portanto, é importante que o negócio saiba avaliar como o serviço é capaz de contribuir para a melhora do ambiente interno e, assim, gerar competitividade para o empreendimento.

Faça uma avaliação abrangente de como todos os serviços do setor de TI estão estruturados. Identifique pontos que necessitam de mudanças, quais são as metas e projetos de médio e longo prazo.

Essas rotinas, em conjunto, auxiliam o gestor a fazer uma distribuição otimizada dos recursos de TI contratados. O gestor saberá como os times poderão contribuir para uma melhora no ambiente de trabalho antecipadamente. Com isso, será possível evitar uma má distribuição dos técnicos e garantir que o seu trabalho tenha um impacto maior na companhia.

5. Baixo índice de qualidade dos serviços prestados

A prestação de serviços de má qualidade é um problema grave ao se investir no outsourcing de TI. A empresa deve estar atenta para a capacidade da companhia contratada atender às suas demandas com qualidade, poucos erros e um perfil de atendimento alinhado com as normas internas do negócio. Isso evita conflitos e facilita a criação de um ambiente de trabalho integrado, com falhas pouco frequentes.

Uma das formas de evitar problemas relacionados à prestação de serviços é avaliando o perfil de trabalho do negócio. Nesse sentido, não basta apenas escolher um que esteja alinhado com o perfil da empresa, mas também uma companhia que saiba criar correções, descobrir soluções para problemas e realizar o planejamento de rotinas de forma mais eficaz e ágil. Assim, a companhia consegue tornar o outsourcing em uma ferramenta estratégica e não apenas uma forma pontual de solucionar os seus problemas internos.

Ao pesquisar por uma companhia da área, identifique as que estão alinhadas com a sua área de atuação. Faça uma avaliação sobre a capacidade do negócio de atender a demanda de seus consumidores e parceiros comerciais. Não deixe de avaliar certificados de qualidade e a opinião de clientes atuais e antigos: eles podem dar uma visão mais clara sobre os pontos fortes do prestador de serviços.

Fazer uma avaliação prévia é um dos pontos-chave para maximizar o retorno sobre o investimento com alguma companhia que atua com outsourcing. Isso não só evita problemas, mas auxilia a companhia a criar um conhecimento prévio sobre o serviço contratado e as suas maiores qualificações. Assim, você poderá aproveitar ao máximo as vantagens desse tipo de solução.

Agora que você já viu como evitar as barreiras do Outsourcing de TI, que tal aprender a implantar um na sua empresa? Confira nosso ebook gratuito:

Capa de ebook - guia para implantar um projeto de BPO (Outsourcing de TI)

Gostou do artigo? Então, compartilhe-o em suas redes sociais faça com que mais pessoas entendam sobre os desafios do outsourcing de TI.

No Comments Yet.

Leave a comment